21 de novembro de 2011

decisions, decisions, decisions

Preciso de uma decisão. Essa de cima do muro não dá para mim. E também não gosto de pessoas que deixam a indecisão falar mais alto. 

Preciso saber o que quero da minha vida e planeja-la até 2015. E não sei por que 2015, acho que números redondos – nunca entendi essa expressão - me confortam. 

Estive na Vibe ‘nada de planos’, mas olha só: o ano já tá acabando e eu não fiz nada! E nada dá um desespero louco. Tantos papais Noel, os pisca-piscas e todas essas coisas natalinas me fazem querer correr para debaixo do edredom e dormir até 2012. 


Pena que os sonhos, não decidem nossas vidas...

Um comentário:

  1. Pena mesmo...Mas 2015 está muito longe,até lá eu garanto que você já vai ter feito muitos !

    beijo

    ResponderExcluir

Visito todos que comentam, caso o link de retorno não esteja funcionando pode anexa-lo no fim do comentário. Sem SPAM, por favor.


Pulando as interjeições...
Solte o verbo, os pronomes, adjetivos e substantivos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...